Calculadora de contribuições em atraso

Calcular INSS atrasado

Nem todas as pessoas conseguem recolher o INSS de maneira correta, mesmo tendo trabalhado durante esse período. Alguns esquecem de pagar por alguns meses ou ficam muitos anos sem a devida contribuição.

Se tratando de contribuições em atraso dos últimos 5 anos, dizemos que são de períodos não prescritos e podem ser realizadas mediante cálculo no próprio site do INSS. Podendo realizadar o cálculo sobre valores entre o mínimo e o teto.

Porém, para as contribuições relativas à períodos superiores a 5 anos, diz-se que são de períodos prescritos. Portanto não podendo realiza-las aleatoriamente.

O pagamentos destes períodos é realizado mediante agendamento no INSS. Onde o segurado pode ser chamado a realizar prova da atividade, e após aprovação, a autarquia emitir a guia de pagamento.

O valor da indenização será de 20% sobre o valor do salário de benefício (média das 80% maiores contribuições desde 07/1994), ou 20% sobre a remuneração na qual incidam contribuições para o regime próprio a que estiver interessado em levar o período, limitado ao teto do INSS.

Ainda sobre o valor, incidirão juros de 0,5% ao mês (limitados à 50%), e multa de 10% para as indenizações posteriores a 11/10/1996.

Mas o INSS não entende assim e insiste em cobrar juros e multa sobre todos os meses indenizados. Porém o judiciário é pacífico no sentido de que esta cobrança é indevida. Tendo os clientes o direito a pleitear em juízo a devolução ou isenção destes valores.

Devido a isso, apresentamos uma calculadora simplificada para contribuições em atraso, dando destaque para os valores de multa e juros.

Quer saber mais sobre planejamento previdenciário? Clique aqui.

Calcular INSS atrasado

 

Calculadora Previdência 2019: Contribuição em Atraso

MÊS DO CÁLCULO/INDENIZAÇÃO SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO OU MÉDIA (S.B.)
Para indenizações dos últimos 5 anos, informar neste campo o salário de contribuição que desejar (pode-se determinar sobre qual salário de contribuição pretende contribuir). Já para contribuições anteriores aos últimos 5 anos, informar o salário de benefício (as indenizações mensais destes períodos serão obrigatoriamente calculadas sobre a média histórica dos salários de contribuições – o INSS vai calcular e não se pode escolher sobre qual valor deseja pagar).
MÊS DA CONTRIBUIÇÃO
Escolha sobre qual mês deseja realizar a contribuição (clique em “adicionar linha” para incluir mais)
CONTRIBUIÇÃO (20%)
A contribuição atrasada é de 20% do salário de contribuição.
MULTA (10%)
A multa de pagamento em atraso é de 10% sobre o valor a contribuir.
JUROS ($)
Os juros cobrados pelo atraso no pagamento serão de 0,5% por mês, limitados a 50%.
INDENIZAÇÃO MENSAL
Valor total da indenização mensal.
JUROS E MULTA ATÉ MP 1523
Cobrança indevida. O segurado tem o direito de pleitear em juízo a devolução ou isenção destes valores.
TOTAL À PAGAR
Valor total do pagamento da indenização.
R$ 0,00 R$ 0,00
Ligamos para você
Envie seus dados e em breve entraremos em contato
Chat online
Envie seus dados para iniciar a conversa
-
Consulte nossos advogados